Os Minerais

Os Minerais
Share

Já falamos sobre o que são e a importância das vitaminas no nosso corpo nesse post, e hoje vamos falar do papel dos minerais.

Assim como as vitaminas, os sais minerais não são produzidos pelo nosso corpo.  Precisamos deles para viver uma vida saudável e sem doenças, para tanto, é necessário ingerir alimentos que os forneçam para nossa sobrevivência. Existem dois tipos de minerais: os macrominerais ou macronutrientes e microminerais ou micronutrientes. A diferença entre os dois é a quantidade desses elementos que nosso corpo precisa diariamente. Dos micro, a quantidade é bem menor, e dos macro precisamos muito mais para poder sustentar as funções normais das células.

Os tipos de sais minerais

  • Os micronutrientes: Os principais microminerais essenciais ao nosso corpo são: zinco, ferro, manganês, cobre, iodo, cobalto, molibdênio, flúor, cromo e selênio, de todos eles precisamos quantidades diárias menores que 12 mg por dia.
  • Os macronutrientes: Com muito mais necessidade, precisamos de quantidades acima dos 100mg desses elementos diariamente para uma vida saudável. Os principais são: cálcio, fósforo, sódio, potássio e cloro. Sendo que o cálcio e o fósforo são encontrados nos nossos dentes e ossos e o magnésio nas reações das enzimas de nosso corpo.

As funções dos sais minerais

Os sais minerais executam diversas funções dentro do nosso corpo: o cálcio, o fósforo e o flúor ajudam na formação dos ossos e dentes; os impulsos nervosos são regulados graças ao sódio e ao potássio. O magnésio desempenha funções na contração muscular e atividades enzimáticas; já o ferro é essencial na hemoglobina do sangue; o cobre atua na melanina da pele  e o cloro ajuda a equilibrar os fluídos líquidos do corpo.

A falta dos minerais no organismo

A carência de minerais em nosso organismo pode causar o desenvolvimento de doenças. A anemia é causada pela falta de ferro; a falta de flúor causa cárie dentária; o bócio é causado pela falta de iodo; carência de potássio causa a fadiga muscular.  Os minerais que necessitamos vem diretamente da comida que ingerimos, em alguns países a população sofre da falta de certos nutrientes por causa do solo em que os alimentos são plantados. Essas deficiências são mais críticas do que muitas das carências de vitaminas, e também os sintomas são muito distintos, apenas podendo ter certeza da carência através de exames médicos.  Mesmo assim as pessoas devem ter em mente que uma alimentação saudável e variada deve fornecer todos os sais minerais necessários para o nosso organismo. Excessos de minerais também causam doenças, é o caso da hipertensão, que pode ser causada pelo excesso de sódio no organismo.

Onde encontrar cada mineral

  • Cálcio: maioria dos vegetais verde-escuros, derivados do leite;
  • Magnésio: grãos integrais, vegetais verde-escuros, legumes, castanhas;
  • Fósforo: legumes, grãos integrais e castanhas;
  • Cobre: legumes, grãos integrais, uva passas, castanhas;
  • Ferro: uva passas, legumes, castanhas, vegetais folhosos;
  • Manganês: vegetais de folhas largas, legumes, grãos integrais, castanhas;
  • Zinco: milho de pipoca, gérmen de trigo, grãos integrais, legumes, castanhas;
  • Flúor: água fluoretada;

Vale lembrar que a reposição de sais minerais no organismo a partir de remédios deve ser feita somente através de prescrição médica, já que, ao contrário das vitaminas (exceto a vitamina A), o excesso dessas substâncias no organismo também pode causar doenças graves. Por isso, o melhor a se fazer é mudar a dieta alimentar para uma alimentação mais saudável que supra todas as necessidades de nosso organismo. A escolha de alimentos orgânicos pode ser uma boa idéia, pois, por serem livres de agrotóxicos, a concentração de vitaminas e minerais nesses alimentos é maior.

No próximo post: O que são alimentos orgânicos?

 

(Visited 804 times, 1 visits today)
Share

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>